Navegação de Posts

*/ ?>

Mitos e verdades no banho do bebê

A hora do banho é muito importante para bebês pequenos. Além de ajudá-los a relaxar, pode ser uma ótima oportunidade para criar laços com seu filho. Esclarecemos alguns mitos para que você possa aproveitar esse momento sem preocupações.

Bebês precisam tomar banho todos os dias

Não é verdade, principalmente se a temperatura do ambiente estiver muito fria. Bebês pequenos não se sujam muito. Quando a criança começa a engatinhar é preciso criar esse hábito diariamente. Uma dica é dar banho à noite para acalmá-los.

Prefira sempre água morna, por volta de 38ºC. Pode usar água do chuveiro; não é preciso que ela seja fervida ou filtrada.  Na banheira, a quantidade de água deve ser suficiente para apenas cobrir as pernas do seu filho.

Bebês podem usar xampu e sabonetes adultos

Isso é um mito. A composição química desses produtos pode ser prejudicial á pele das crianças. Os produtos infantis são fabricados com substâncias hipoalérgicas para evitar que isso aconteça. Além disso, não deve usar o mesmo sabonete que um adulto, pois pode conter microorganismos ainda mais perigosos à saúde do pequeno.

Xampus só devem ser usados a partir dos seis meses. Os condicionadores podem ser introduzidos apenas por volta dos dois anos, quando os cabelos da criança estão maiores. O secador de cabelos também é indicado somente depois do primeiro semestre, pois o ar quente pode agredir a pele. Use apenas nos dias mais frios.

Não é preciso utilizar buchas, pois o bebê ainda não se suja muito. Se elas tornam o banho mais divertido e a criança gosta da massagem, não é preciso suspender o uso. Nunca ensaboe seu filho com muita força.

Bebês podem tomar banho na banheira de adultos

É verdade. Não é um problema usar a banheira de adulto, exceto se forem recém-nascidos. O maior espaço garante a oportunidade para tomar banho junto com os pais. A hidromassagem pode assustar bebês muito pequenos, por isso, é importante evitá-la.

Banheiras infantis devem ser bem higienizadas, lavadas, pelo menos, uma vez por semana, com água e detergente, sem usar álcool ou produtos que estraguem o material da banheirinha.

É preciso passar talco depois do banho

Essa substância não é indicada para bebês. O talco pode ser aspirado pela criança, provocando alergias e problemas respiratórios. Por isso, para deixa-lo cheiroso, use hidratantes infantis ou colônias específicas para a idade dele.

Brinquedos na hora do banho são bem-vindos

A partir dos quatro meses, quando o bebê já consegue brincar com esses objetos, os brinquedos podem ser uma boa opção para entretê-lo durante o banho. Prefira sempre os fabricados com materiais laváveis e de borracha. Confira se eles são indicados para a idade do seu filhote.

Banhos no balde são permitidos

É verdade. Essa técnica parece trazer uma sensação de tranquilidade e conforto para o bebê, pois relembra o período em que ele estava no útero da mãe. Além disso, ajuda a criança a desenvolver maior firmeza no pescoço. Para garantir maior segurança, é preciso esperar para que ele tenha, no mínimo dois meses. Os cuidados com esse procedimento devem ser redobrados! Nunca deixe seu bebê sozinho dentro do balde para que ele não se afogue.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *